MIKUEXPO no Brasil?

“Seria bacana uma MIKU EXPO no Brasil, mas há várias barreiras que inviabilizam o show da Hatsune Miku na República das Bananas, e a maioria não poderá pagar por isso.”

miku-chan-venha-para-o-brasil-hatsune-miku-37087536-3308-4679

Eu realmente queria vivenciar um show de Vocaloid, me julguem, todos querem um dia estar em um show um dia. Mas no caso da MIKU EXPO, será que seria possível acontecer uma no Brasil?

Para quem não sabe, a MIKU EXPO é/foi um dos shows da Hatsune Miku, mais bem sucedido da história. Miku e os outros Vocaloids são projetados em uma tela translucida com a mais alta tecnologia japonesa com a banda “viva”, fazendo seu trabalho, e que trabalho amigo.

A MIKU EXPO ganhou rápida popularidade, e se tornou um sucesso imediato. Com o anúncio da turnê para inicio em 2016, houve shows marcados para Japão, EUA, México e Taiwan e China conforme o site oficial.

Mas, e a America do Sul? Bom, eu digo que é mais fácil a Argentina ter uma edição da MIKU EXPO do que o Brasil. E antes que você me rotule/xingue/reclame com Sindrome de Vira-lata, vamos entender o porque.

O fandom do Vocaloid brasileiro, não tem a mesma força em comparação com o fandom de outros países. Para a nossa sociedade, qualquer um “diferente” é visto como um louco que gosta de queimar dinheiro. Outro detalhe, o Brasil Republiqueta é grande demais, o fandom brasileiro, que já não é grande, está espalhado em vários Estados. E quando o fator distância já é um agravante, a falta de união entre os mesmos só fomenta mais uma barreira.

Mas o que vai tocar na ferida de cada um é, o custo total de tudo, incluindo questões morais e culturais.

A maioria dos que se dizem parte do fandom, são adolescentes, e não tem emprego fixo ou recebem baixos salários. Muitos dependem dos país para bancar a diversão. Agora qual pai ou mãe abaixo da classe média vai pagar algo em torno de R$ 750,00 reais ou mais!

Lembrando que o salário mínimo vigente ainda não passou da casa do milhar, e como nem todos ganham mais que isso, a resposta pode machucar muito. Mas não se preocupe, porque só melhora, muitos brasileiros(as) enraizados em nossa forma de ver o mundo, olham com bastante preconceito e discriminação essas novidades. A coitada da Miku seria vítima de puro preconceito. Não apenas ela, mas qualquer um envolvido seria. Não existe espaço na cabeça do brasileiro, ver jovens fazendo fila para pular junto com uma jovem garota de longos cabelos verdes dançando na Miku Expo, mas para o futebol e o show do maluco com cabelo seboso tem não é mesmo?

E para afundar ainda mais esse buraco, a Crypton mediu um “senso” por aqui em agosto de 2013, quando houve a transmissão online do Magical Mirai 2013, um outro evento da Miku exclusivo do Japão. O show foi transmitido pela internet para vários cinemas no mundo incluindo no Brasil. Na capital de SP, os cinemas Anália Franco e Jardim Sul foram selecionados, e no Rio, no cinema New York Center.

De acordo com este post que encontrei, deu tudo certo no Anália Franco. Só que me lembro bem de umas várias reclamações que li no Facebook na época. Muitos disseram que havia muitas falhas, delay e travamentos. Outros disseram que as salas com capacidade para mais de 200 pessoas, mal chegaram na metade. E não lembro de ter visto nenhum marketing de peso promovendo a exibição de Vocaloid na internet brasileira, só fiquei sabendo via Facebook, e olhe lá. Infelizmente, eu não fui. Eu morava em outra cidade e não me preparei para ir.

Em outras palavras, não deu certo.

Isso porque não citei, a maldição chamada Crise Financeira. Uma praga que assola o país mais que o diabo castigando seus escravos no fogo do inferno. E que está longe de terminar.

Concluindo, não se pode ter coisas legais no Brasil, o governo e parte da sociedade criaram um sistema auto-sabotável, restringindo nossos pensamentos, nossos sonhos e quem nós somos.

Seria bacana uma MIKU EXPO no Brasil, mas há várias barreiras que inviabilizam o show/evento dela por aqui, e a maioria do fandom brasileiro não pode pagar por isso.

“Na boa, para com esse vitimismo. A Copa do Mundo e as Olimpíadas foram um sucesso e o Brasil aguentou, vlw flw” – Ciclana do Facebook

Vitimismo o caralho. Estou falando de um evento específico para um público específico, e não um evento mundial como a Copa do Mundo, que recebeu milhões do governo em investimentos. E por ser futebol, a sociedade é totalmente a favor e até investe mais de R$2.000,00 em um misero ingresso de arquibancada suja. Diga-me, a Miku Expo receberia toda essa atenção por aqui? Nenhum patrocinador está interessado em pagar a conta. Se é para comentar, faça um argumento menos esquerdista e mais coerente, grato.

Assim sendo:

jp995v.jpg

Espero algum dia poder engolir tudo que falei se acontecer a nem tão sonhada MIKU EXPO Brasileira. Eu duvido muito. No cenário atual, isso é quase impossível de acontecer. Se dinheiro não for problema para você, sugiro que vá ao Japão. O próximo Magical Mirai vai acontecer no começo de Setembro, e será muito especial pelo Aniversário de 10 anos da Hatsune Miku.

Anúncios

4 comentários em “MIKUEXPO no Brasil?

  1. Olá, tudo bem? Conheci a Hatsune Miku em novembro de 2015 ao entrar num site que tocava as músicas dela. Desde aquela época eu venho de tempos em tempos pesquisando sobre seus shows no Brasil (infelizmente tem gente espalhando alarmes falsos, como ingressoscomprar ponto com).
    Bom, estou juntando uma grana pra quando esse dia chegar. Vou realizar este sonho seja neste país ou fora dele. Se não rolar aqui, vou assistir no país mais próximo – tomara que seja Chile, porque depois do show eu iria passear por lá rsrs.
    Queria ter achado seu site antes. Abraço!

    Curtir

    1. Seja bem-vindo a este humilde (nem tanto haha) e pequeno espaço onde falo da Miku, e faço textão sobre coisas da vida. Sobre a Miku Expo, se puder, faça isso. Se por um acaso a Crypton enxergar que existe outro continente abaixo da America do Norte, quem sabe até seja a Argentina!
      Um grande abraço!

      Curtir

  2. Vish, é realmente triste. E não me refiro apenas ao concerto da miku-chan, mas também como nosso país está. Somos a 5° maior economia do mundo ou é a sexta, não sei ao certo. O salario é tão baixo, em um país tão criminoso. Voce só se esqueceu de citar o fato da criminalidade aqui! O ___ O Provavelmente a probrezinha da miku esta com medo de vir pra cá junto com os patrões da Crypton! kkk
    Falando serio, infelizmente eu estaria na lista dos que não poderiam comparecer por causa da grana se o concerto ocorre-se atualmente. E não acho que seria 600, acho que seria uns 800 até uns 1200 para ficar nas cadeiras da frente. Por que vir do japão trazendo um monte de “bugigangas” para o Brasil, deve custar caro. Sobre o concerto da miku no cinema, foi um fiasco realmente, fiquei triste pela mal qualidade “travamentos” um ou outro descaso de alguns que estavam presentes lá pedindo o dinheiro de volta por conta dos travamentos. Mas teve um momento muito legal que as pessoas bateram palma em uma das musicas da miku. Infelizmente uma experiencia assim só será vista outra vez no país de origem da miku. Eu reconheço que quando eu soube da Miku EXpo não acontecer no Brasil, eu fiquei feliz, pois de um lado eu queria ver, curtir, mas do outro, não teria grana o suficiente, o que seria um tiro no peito saber que miku veio aqui e não poder vela. Se o mundo fosse mais ideal, eu desejaria ter o dinheiro e miku vir aqui. Mas não é, infelizmente!

    Curtir

    1. Vendo por esse lado até concordo, é melhor que a Miku não venha do que ser uma vergonha ainda maior. E outra, a Crypton trabalha com margens de lucro de quase 100%, então os japas não querem prejuizo, e nem o organizador, que sendo BR, você sabe como seria ….

      Curtir

Os comentários estão encerrados.